OAB quer que todos os membros do judiciário passem por detectores de metais nos tribunais e fóruns

Ministro
Resultado de imagem para ministro do STF, Luís Roberto Barroso.
Luís Roberto Barroso. Ministro do STF

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), protocolou uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) no Supremo Tribunal Federal (STF), para que seja autorizada a instalação de aparelhos detectores de metais no acesso às dependências dos tribunais e fóruns de todo o país.

O objetivo é que todos os membros do judiciário sejam revistados, independente dos cargos, tendo igualdade entre eles, para que todos submetam ao controle da entrada de armas de fogo, inclusive para aqueles que possuem direito a porte.

A Relatoria a ADI ficou a cargo do ministro do STF, Luís Roberto Barroso.

Compartilhe

Publicações Relacionadas

A Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) promoverá, na sexta-feira (3), o primeiro encontro da série “O Ministério Público Federal e a proteção…